segunda-feira, 9 de maio de 2011

Não conhecemos os nossos limites...


Saí daquela aula mesmo sensibilizada, pensativa e estupefacta por aquelas pessoas que abraçam e não desistem da vida, mesmo estando pendentes a uma máquina.

Tantas vezes que criamos problemas, que ao lado destas pessoas são mínimos. Tantas vezes que vamos abaixo por qualquer coisa sem importância e, de facto, estas pessoas que têm razões para o ir, não vão. Lutam contra tudo para viver e tentam ser felizes. O ser humano não conhece o seu próprio limite, sem pô-lo à prova. 

10 comentários:

PinkEmotions disse...

Concordo plenamente. Sinceramente já me deixei de preocupar com coisas mínimas porque não vale a pena e há gente tão pior que nós e com uma força inabalável, porque não havemos de ter uma assim também?

joana disse...

Infelizmente tive alguém, não nesta situação, bem perto a lutar pela vida.
E mudam tanto.

Andreiazita disse...

É mesmo!

Sea disse...

Sem duvida... Bem que as vezes deviamos sofrer mais um pouco para verem o quanto custam alguns segundos de boa vida *

Shiver disse...

Só que passa por situações semelhantes consegue realmente perceber o que é realmente importante.
Ao pé disso a maioria dos nossos problemas são peanuts.....

Fi ♥ disse...

É nessas situações que vemos o quão fortes somos e como a vida é importante...

Sóph. disse...

tive na familia , alguém a quem posso intitular de super homem , tinha tanta mas tanta força , e lutou tanto , deu uma lição de moral asos q o rodeavam . e infelizmente partiu a lutar :(

Marta disse...

tens toda a razao..
fazemos tempestade em copos de agua por nada e somos egoistas por nao olharmos à volta e percebermos que realmente ha pessoas muito piores que nos.
beijinhos

O meu reflexo disse...

é bem verdade!

Farruskinha disse...

É verdade, por vezes arranjamos problemas sem necessidade e não pensamos nessas pessoas que têm um problema do tamanho do mundo e mesmo assim têm força para lutar :)